Assembleia Paroquial é realizada com a presença de membros de pastorais e movimentos
11 out 2015 0 Visualizações
A+ a-
Todos os membros de pastorais, movimentos e comissões paroquiais esteja presente na reunião. (Foto: Gilberto Martins/PASCOM)

Todos os membros de pastorais, movimentos e comissões paroquiais esteja presente na reunião. (Foto: Martha Silva/PASCOM)

Foi realizado neste último sábado (10), a Assembleia Paroquial para definir os planos pastorais para a Paróquia São Francisco das Chagas no período de 2015 a 2019 e bem como, refletir sobre as diretrizes da ação evangelizadora da Igreja no Brasil. A reunião contou com todos os membros de pastorais, movimentos, Conselho Paroquial de Pastoral (CPP), Conselho Paroquial de Assuntos Econômicos (COPAE), todos os coordenadores do Conselho Comunitário de Pastoral (CCPs), além da presença do pároco, Pe. Wesley Balbino.

Durante a reunião também foi formada uma comissão composta por 10 membros, a qual, representará a paróquia na Assembleia Setorial que será realizada no próximo dia 15 de novembro em Carmo do Paranaíba. Segundo a secretária do CPP, Lourdes Carvalho, ainda foram escolhidas duas pessoas que também representará a paróquia no Assembleia Diocesana que será realizada em 06 de dezembro em Patos de Minas.

Para encerrar a reunião, o pároco presidiu a celebração eucarística no salão de reuniões do Centro Catequético. O sacerdote destacou em sua homilia que a desobediência não agrada a Deus e que após uma reflexão nas diretrizes da ação evangelizadora, Papa Francisco pede uma Igreja aberta para todos. Segundo ele, ninguém é dono é da Igreja e que a Igreja é casa aberta para todos.

“Vimos na reflexão sobre as diretrizes da ação evangelizadora, que o Papa Francisco pede uma Igreja aberta para todos. Ninguém é dono da Igreja. A Igreja é uma casa aberta para todos e a nossa missão como discípulos e missionários de Jesus Cristo é comunicar o evangelho de Jesus Cristo: anuncia-lo com a ardor missionário, na alegria do Espírito Santo. Não podemos desistir diante das dificuldades encontradas no seguimento a Cristo Jesus e no anúncio do evangelho”, disse o sacerdote.

O resultado com as propostas apresentadas pela comunidade paroquial, será concluído e apresentado à comunidade na próxima reunião do CPP, que será realizada no início do mês de novembro.

Fotos: Gilberto Martins e Martha Silva – PASCOM

Texto: Gilberto Martins – Editor e Graduando em Jornalismo