A trajetória de Pe. Wesley Balbino em Rio Paranaíba: um bom pastor que cuidou das suas ovelhas
23 jan 2017 0 Visualizações
A+ a-

Posse de Padre Wesley em Rio Paranaíba em fevereiro de 2011. (Foto: Arquivo Pessoal/Marcelo Gonçalves)

No próximo domingo (29), Padre Wesley Roberto Balbino se despede de Rio Paranaíba para continuar sua caminhada vocacional em outra paróquia, levando o Evangelho de Cristo para outras ovelhas que, o bispo diocesano de Patos de Minas, o confiou. Em Rio Paranaíba, o sacerdote catequizou milhares de fiéis com seus ensinamentos durante celebrações eucarísticas, encontros, reuniões, confissões e direções espirituais.

Cuidador das ovelhas desgarradas, Pe. Wesley fez como o Cristo Bom Pastor que não se cansou de ir à beira do precipício resgatar a ovelha ferida. Através do sacramento do batismo, teve a graça de acolher centenas de crianças no rebanho de Deus e buscou ser luz na vida de muitas pessoas.

 

Aniversário de ordenação de. Wesley. (Foto: Arquivo PASCOM)

 

Sua missão em Rio Paranaíba começou no dia 06 de fevereiro de 2011, quando foi empossado pároco da Paróquia São Francisco das Chagas. Durante seis anos trabalhou incansavelmente para manter o templo sempre em bom estado de conservação. Foi responsável, junto com milhares de fiéis, pela conclusão de obras que eram esperadas pelos fiéis, como: o tão esperado Centro Catequético e a sonhada Igreja de Nossa Senhora de Fátima no bairro Alto Santa Cruz – sonho que se arrastava por mais de trinta anos.

Estruturou todas as comunidades com comissões e conselhos que passaram auxiliar a paróquia nos mais diversos assuntos. Teve uma atenção especial para com a juventude de Rio Paranaíba, concedendo aos jovens formação, direção espiritual e conselhos para o bom andamento nas dimensões espiritual, acadêmica e pessoal.

 

(Foto: Arquivo PASCOM/Gilberto Martins)

 

Sempre presente na vida da comunidade paroquial, semanalmente levou a Palavra de Deus pelas ondas do rádio, dando conforto aos enfermos que, por vários motivos, não podem se deslocar. As festividades em todas as comunidades da paróquia ganharam sentindo espiritual e familiar.

A festa do padroeiro São Francisco das Chagas foi reestruturada, fazendo que em todos os dias da festividade, os participantes refletissem sobre a vida e espiritualidade de Francisco durante sua peregrinação em Assis até receber suas chagas no Monte Alverne.

Sua espiritualidade e sabedoria encantou seus paroquianos e visitantes. A cada missa celebrada, a cada direção espiritual ou confissão, apascentou o rebanho na direção do Cristo Divino Mestre.

 

(Foto: Arquivo PASCOM/Gilberto Martins)

 

Instalou na paróquia movimentos que levaram crianças, jovens e adultos a uma experiência de estar perto de Deus. Trouxe para Rio Paranaíba o Movimento de Amizade Cristã (MAC); o Encontro de Jovens com Cristo (EJC), o Terço das Mulheres de Nossa Senhora das Dores; o Terço dos Homens de Nossa Senhora Aparecida; o Terço dos Homens na comunidade de Abaeté dos Mendes e aumentou o número de celebrações eucarísticas.

Amante da comunicação, buscou estruturar a Pastoral da Comunicação para ficar mais perto dos fiéis e levar o que acontece na paróquia para todo mundo com a atualização completa do portal da paróquia e, bem como, com a reestruturação do jornal “Correio Franciscano”.

Enfim, Pe. Wesley foi pároco, pai espiritual e bom pastor das milhares de ovelhas que em 2011, Dom Cláudio lhe concedeu. Fica aqui, nossa gratidão e nosso apreço pelas boas ações que fez em nossa paróquia. A Paróquia Nossa Senhora da Abadia em Abadia dos Dourados ganha não só um pároco/reitor, mas sim, um pastor que cuidará do seu rebanho, como o bom Pastor Jesus Cristo.

 

Missa em ação de graças pelo aniversário de Pe. Wesley. (Foto: Arquivo PASCOM/Gilberto Martins)

 

Só temos que agradecer a Deus pela sua vida e pelo seu chamado à vida sacerdotal. Temos certeza de que estaremos em boas mãos a partir do próximo mês, com o novo pároco, Pe. Maurino. E a Paróquia de Nossa Senhora da Abadia também estará em boas mãos, a partir do dia 05 de fevereiro, quando o senhor tomar posse como pároco e reitor do Santuário de Nossa Senhora de Abadia!

Como o senhor sempre diz: “Você estará sempre nas nossas orações e em nossos corações agradecimentos. E completamos repetindo o que Santa Terezinha do Menino Jesus e da Sagrada Face disse e o senhor sempre gosta de reprisar: “No coração da Igreja seremos o amor!”.

Receba de cada paroquiano de São Francisco das Chagas um forte abraço em agradecimento por tudo que fez em Rio Paranaíba para levar o nome de Jesus Cristo e que São Francisco interceda junto à Deus para sempre responda ‘sim’ ao chamado d’Ele.

A celebração eucarística de despedida de Pe. Wesley acontece, no entanto, no próximo domingo (29), às 10h na Igreja Matriz de São Francisco das Chagas. A missa será transmitida ao vivo pela Rádio Paranaíba AM e pela nossa página no Facebook.

Colaborou com o texto: Paulo Sérgio Rocha

Texto: Gilberto MartinsJornalista responsável pela Pastoral da Comunicação