Notícias

Exposição Itinerante das Irmãs Missionárias da Sagrada atrai várias pessoas

As irmãs Martins, Edvaneide e Vanessa, uma missionária e o pároco, Pe. Wesley. (Foto: Gilberto Martins/PASCOM)
As irmãs Martins, Edvaneide e Vanessa, uma missionária e o pároco, Pe. Wesley. (Foto: Gilberto Martins/PASCOM)

Rio Paranaíba está recebendo até a próxima quarta-feira (22) na Igreja Matriz, a Exposição Itinerante em comemoração dos 50 anos da Congregação das Irmãs Missionárias da Sagrada Família que estiveram em missão na paróquia entre os anos de 1993 a 2003, época em que os padres Luiz Carlos, Jair e Valeriano estiveram à frente da paróquia.

A exposição inicialmente foi organizada no Centro Catequético, de frente a Igreja de Nossa Senhora do Rosário, porém, à tarde foi transferida para a Igreja Matriz, para que as pessoas que vão visitar o Santíssimo, possam também visitar a exposição e as irmãs. Nossa reportagem acompanhou todo período da tarde e à noite e muitas pessoas que conviveram com as irmãs foram visita-las e relembrar os vários momentos que passaram juntos.

Muitos fiéis que foram à celebração eucarística chegaram mais cedo para visitar a exposição e conversar com as irmãs que com alegria relembram dos vários momentos que conviveram em Rio Paranaíba. Na celebração eucarística com a participação das famílias que recebem a imagem da Mãe Rainha, o pároco de Rio Paranaíba acolheu as religiosas exortou os fiéis que esses dias em que as irmãs estão na cidade são momentos de entrelaçar os corações com a amizade da Paróquia São Francisco das Chagas com as Irmãs Missionárias da Sagrada Família.

“Eu vejo que esses dias como uma oportunidade a mais de entrelaçarmos nossos corações e a nossa amizade da Paróquia São Francisco das Chagas com as Irmãs Missionárias da Sagrada Família. Sintam-se acolhidas, amadas pela Igreja, acolhidas pelas nossas comunidades. Queremos que vocês se sintam muito bem, acolhidas, amadas por nós e desde já nós agradecemos pela presença de vocês em nossa paróquia que nos enriquece e que nós possamos estender a toalha em nossos corações e celebrar esses momentos com muita alegria, com muita felicidade e sobretudo entrelaçar nossos corações e edificando os nossos laços de amizade”, disse o pároco.

Após a celebração eucarística, nossa reportagem conversou com a Irmã Edvaneide Sales, que é fruto do trabalho de missão das Irmãs em Rio Paranaíba. Segundo ela, Rio Paranaíba foi a primeira cidade citada pela equipe organizadora da exposição itinerante. “Olha para nós, de verdade, Rio Paranaíba foi a primeira cidade a ser citada na nossa programação pela equipe organizadora e não podia ficar fora. Isso aqui para nós é muito belo, é muito bonito as famílias, os amigos que aqui deixamos e construímos. Então é momento de alegria para nós e foi realmente a primeira cidade que as irmãs lembraram e falaram: ‘Nós temos que estar lá’. Nós ficamos aqui 10 anos que foram de muita alegria, amizade e carinho do povo”, ressaltou a irmã.

A exposição que segue até a próxima quarta-feira na Igreja Matriz, das 08h30 às 20h, traz fotos, vídeos dos trabalhos realizados pelas Irmãs em várias cidades do país, bem como objetivos que elas usaram e usam durante as missões por passam.

Acontece a entrevista especial com a Irmã Edvaneide Sales.

Texto e fotos: Gilberto Martins – Editor e Graduando em Jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.