Notícias

Jovens universitários de Rio Paranaíba se reúnem para recitarem o terço

Os jovens se reúnem todas as quintas-feiras, em lugares distintos para recitarem o terço. (Foto: Martha Silva/PASCOM)
Os jovens se reúnem todas as quintas-feiras, em lugares distintos para recitarem o terço. (Foto: Martha Silva/PASCOM)

Jovens da Pastoral Universitária de Rio Paranaíba voltaram se reunir na noite desta quinta-feira (13) para recitarem o terço. Desta vez, os jovens se reuniram na residência da dona Maria Idalina, conhecida como “Dona Ida”, avó de um dos universitários. A jovem Martha Silva, que também é agente da Pastoral da Comunidade (PASCOM), acompanhou o momento.

Segundo ela, estavam presentes 21 jovens, para recitarem o terço e fazerem a leitura do Cenáculo de Maria. Ainda de acordo com ela, o momento foi muito abençoado e bastante proveitoso, onde puderam partilhar suas vidas uns com os outros. “Foi um momento muito abençoando e bastante proveitoso para nós jovens, pois pudemos partilhar nossa história de vida com os demais”, disse.

Martha enfatizou ainda que esta é a primeira reunião dos jovens no semestre, onde todas as quintas-feiras, às 20h30, onde o momento acontece na casa de um dos jovens pertencentes à Pastoral Universitária. “Esse foi apenas o primeiro terço desse semestre e lembramos a todos que toda quinta-feira às 20h30, estaremos rezando o terço em algum lugar”, lembrou a universitária.

Pela página oficial da Pastoral Universitária no Facebook, aqueles que se interessarem poderão acompanhar onde serão realizados os terços e os outros encontros que são realizados pelos jovens. A agente de pastoral ainda lembra que nesse semestre, o encontro dos jovens que são realizados aos sábados mudou de horário, passando a ser realizado às 19h30 no Centro Catequético Monsenhor José Fernandes, próximo à Igreja de Nossa Senhora do Rosário. “Também lembramos que nesse período o nosso encontro aos sábados será Às 19h30 no Centro Catequético. Com isso, convidamos todos os jovens para participar conosco tanto do nosso cenáculo, quanto do nosso grupo de oração”, concluiu.

Texto: Gilberto Martins – Editor e Graduando em Jornalismo

Foto: Martha Silva – Agente PASCOM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.