Notícias

Centenas de fiéis se reúnem para celebrar Nossa Senhora da Abadia

Centenas de fiéis participaram das celebração eucarística, às 10h com o vigário paroquial de Lagoa Formosa, Pe. Hemerson. (Foto: Gilberto Martins/PASCOM)
Centenas de fiéis participaram das celebração eucarística, às 10h com o vigário paroquial de Lagoa Formosa, Pe. Hemerson. (Foto: Gilberto Martins/PASCOM)

A devoção dos romeiros à Nossa Senhora da Abadia na comunidade de Abaeté dos Mendes vem crescendo com o passar dos anos e atrai fiéis de quase todas as cidades vizinhas como Arapuá, Carmo do Paranaíba, Lagoa Formosa e também de Rio Paranaíba que, muitas das vezes vão a pé pagarem suas promessas ou até mesmo para agradecerem alguma graça na festividade realizada pela comunidade.

Desde a última quinta-feira (13), o Conselho Comunitário de Pastoral (CCP), juntamente com a Comissão Organizadora e Paróquia São Francisco das Chagas realizaram na comunidade a tradicional festividade religiosa de Nossa Senhora da Abadia. Segundo informações da comissão organizadora, em todos os dias da festa houve a uma grande presença de fiéis nas atividades programadas.

Neste sábado em que se comemora a Assunção de Nossa Senhora, a Igreja da comunidade ficou pequena para receber todos romeiros. A programação neste dia ápice da festividade, teve início às 07h com a recepção dos romeiros na comunidade, sendo servido um café e uma das residências e a celebração eucarística na Igreja de Nossa Senhora da Abadia.

Com a presença da réplica da imagem de Nossa Senhora Aparecida e da relíquia de Santo Antônio, como parte das comemorações dos 60 anos da Diocese de Patos de Minas, às 08h o movimento do Terço dos Homens de Rio Paranaíba se reuniu com todas as famílias na Igreja de Nossa Senhora da Abadia para recitarem em santo terço, o que segundo informações, chegou a emocionar vários fiéis.

Já às 10h, o vigário paroquial da Paróquia de Nossa Senhora da Piedade de Lagoa Formosa, Pe. Hemerson de Oliveira celebrou a santa missa com a participação da Pastoral Familiar e bem como, com um grande número de fiéis de várias comunidades de Arapuá, Carmo do Paranaíba e Rio Paranaíba. Em sua pregação o sacerdote enfatizou que quem segue Nossa Senhora encontra Jesus Cristo, pois ela é o caminho para se chegar até o céu. O vigário comentou que Nossa Senhora ensina aos fiéis três aspectos muito importante, sendo eles: a obediência, o amor e a atitude de servir.

A Pastora Familiar também esteve presente com a relíquia de Santo Antônio e a réplica da imagem de Nossa Senhora da Aparecida, como parte da programação dos 60 anos da Diocese de Patos de Minas. (Foto: Gilberto Martins/PASCOM)
A Pastora Familiar também esteve presente com a relíquia de Santo Antônio e a réplica da imagem de Nossa Senhora da Aparecida, como parte da programação dos 60 anos da Diocese de Patos de Minas. (Foto: Gilberto Martins/PASCOM)

Ao término da celebração eucarística, Pe. Hemerson ainda agradeceu a presença de todos os romeiros na comunidade para a festividade e também pelo convite de poder celebrar na comunidade. Nossa reportagem conversou com um dos organizadores, Wellington Dionísio e segundo ele, é sempre um prazer muito grande receber todos os fiéis na comunidade e que a festa foi preparada muito antes com a realização de novenas e com a ajudar de várias pessoas.

“Para nós é sempre um prazer muito grande nessa 19ª romaria de Nossa Senhora da Abadia que teve início em 1996, com 17 pessoas e hoje, a gente se enche de alegria ao ver essa multidão que se transformou em centenas e agora em milhares de pessoas. A festa foi preparada já muito antes com as novenas que começarem lá no início de junho nas residências e terminaram essa semana. E junto com a CCP, a comunidade e várias pessoas de outras comunidades que nos auxiliaram, conseguimos chegarmos hoje, que é o dia mesmo da festa, receber essa multidão de fiéis que vem visitar Nossa Senhora”, concluiu Wellington.

O membro da comissão organizadora da festa ainda agradeceu a participação de todos os romeiros e fiéis durante a programação da festividade religiosa de Nossa Senhora da Abadia e intercede a Nossa Senhora para que atenda os pedidos de todos os romeiros. “A mensagem que deixo é de intercessão a Deus e a Nossa Senhora da Abadia, para que atenda aos pedidos dos romeiros em suas necessidades, segundo a fé de cada um. E que eles possam estar propagando essa devoção para que nos próximos anos, possam aumentar ainda mais o número de fiéis que vivam a sua fé à Nossa Senhora da Abadia e que visitam nossa comunidade em todo dia 15 de agosto”, disse.

O vigário paroquial de Lagoa Formosa, Pe. Hemerson Oliveira também conversou com nossa reportagem e falou com sobre a devoção a Nossa Senhora da Abadia na Diocese de Patos de Minas com várias comunidades e paróquia que tem a santa como padroeira. Segundo ele, a devoção dos fiéis à Nossa Senhora da Abadia é muito grande e que nos fiéis que saem de suas casas para irem para a comunidade a pé, nunca devem desanimar mesmo que o cansaço às vezes apareça.

“Percebemos que todos os fiéis têm uma devoção muito grande a Nossa Senhora, aquela que foi a Mãe de Deus. Nossa Senhora tem uma expressão muito forte na vida de todos os fiéis católicos. É a Mãe de Deus, nossa mãe. E por isso que a gente percebe a todo momento esse carinho que o povo tem com Nossa Senhora, principalmente aqui na nossa região, sobre o título de Nossa Senhora da Abadia. Com isso, percebemos que a devoção do povo à Nossa Senhora da Abadia é muito grande e se você for hoje, em qualquer uma dessas comunidades que temos como padroeira, Nossa Senhora da Abadia celebrar, vai perceber as Igrejas lotadas de fiéis devotos, pessoas que saíram de suas casas ainda de madrugada para este momento de peregrinação”, disse o sacerdote em entrevista à nossa reportagem.

A festividade religiosa de Nossa Senhora da Abadia em Abaeté dos Mendes foi encerrada ainda neste sábado (15), com a celebração eucarística às 16h com o pároco de Rio Paranaíba, Pe. Wesley Balbino, onde também aconteceu a procissão e apresentação dos novos festeiros à comunidade e reuniu centenas de fiéis.

Atualizado em 17 de agosto de 2015, às 01h53

Texto e fotos: Gilberto Martins – Editor e Graduando em Jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.